APRESENTAÇÃO

Assim como ocorre em várias outras áreas, também nas práticas musicais persiste um distanciamento entre o Brasil e seus vizinhos latino-americanos, especialmente naquelas partes de nosso país que se encontram mais distantes das fronteiras. Trabalhar para maior integração musical do continente, compartilhando experiências e saberes que têm seu foco no violão – instrumento muito popular em toda a América Latina – é o principal anseio dos idealizadores do SIM. Pode-se dizer que, já em sua primeira edição, o SIM será um evento de ampla envergadura acadêmica, reunindo, sem hierarquizações já há muito questionáveis, a produção artística e a produção científica relacionadas ao violão – ambas com perfil bastante diversificado. O potencial círculo de interessados, dada a grande difusão das práticas violonísticas, vai além dos instrumentistas profissionais ou amadores e da Performance Musical, envolvendo também outras subáreas da Música, tais como Composição, Musicologia, Etnomusicologia e Educação Musical.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO